Coronel rebate crítica do PSB de ‘erro histórico’: ‘Não conhecem o passado’

0
330

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Angelo Coronel (PSD), rebateu as críticas do PSB, partido de Lídice da Mata, que afirmou que deixa-la de fora da chapa majoritária foi um “erro histórico”. “Na Bahia, se fizesse um balanço das últimas eleições, sempre houve uma composição de um partido mais tendente ao centro com um partido mais tendente à esquerda. Wagner trouxe Edmundo do PMDB na sua primeira eleição e na reeleição trouxe Otto, com um posicionamento mais de centro- direita. Rui Costa tem João Leão e Otto. Então esse negócio de dizer que está se cometendo erro histórico eu acho que só tá cometendo quem não conheceu o passado. Quem voltar as páginas do passado remoto vai ver que a história não diz isso, que a história diz que os vitoriosos tem que fazer sanduíche com queijo e não pão com pão. Esse negócio de dizer que está de encontro à história, só se for ‘estória’ com e porque história com h não existe”, opinou Coronel. O presidente da AL-BA e agora candidato ao Senado negou ficar incomodado com os resultados das pesquisas, que colocaram a senadora Lídice da Mata (PSB) – que ficou de fora da chapa majoritária de Rui Costa (PT) – acima dele nas intenções de voto. “Se a pesquisa aferisse vitória antecipada, não teria eleição”, rebateu. Coronel relembrou das eleições de Lídice e Pinheiro, Otto e Geddel Vieira Lima e Rui Costa e Paulo Souto. “Pesquisa é retrato do momento”, acrescentou. Em todos os exemplos citados anteriormente, o cenário das pesquisas não refletiu o resultado das urnas.

 

Por: Redação. J/c

Reprodução.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here